O processo da doação de sangue

Os pacientes que necessitam de transfusão podem contar somente com a solidariedade de pessoas, que têm o privilégio de ser saudáveis e que se dispõem a DOAR O SEU SANGUE, através de um ato de amor ao próximo.

Em muitos casos, a transfusão de sangue é a única esperança de vida.

img_sexo-casual-impede-doacao-de-sangue

Importante

  • A doação é um procedimento totalmente seguro.
  • O volume coletado é de aproximadamente 450 ml (padrão internacional), o que representa menos de 13% do total de sangue do corpo de um adulto.
  • O doador não se expõe a nenhum risco de contaminação.
  • A doação de sangue não engorda e nem emagrece, não afina e nem engrossa o sangue.
  • Não é necessário jejum, porém após o almoço pede-se um intervalo de 3 horas para iniciar a doação.
  • Não exige mais doações.

Doar sangue é um ato humanitário que enobrece e traz uma satisfação interior muito grande. Afinal, por meio desse ato, você ajuda a salvar vidas.

O processo de doação de sangue

O sangue, ou seu componente, transfundido num paciente, deve ser coletado de indivíduos saudáveis, preparado e estocado de forma adequada.

O processo para doação de sangue inicia-se com o cadastro dos dados de identificação do doador e a apresentação de um documento de identidade com fotografia.

Após o almoço pede-se um intervalo de 3 horas para iniciar a doação.

A seguir, o doador é submetido a uma entrevista, na qual seu histórico médico, seus hábitos e suas condições de saúde são verificados e anotados num questionário, com o objetivo de certificar-se de que a doação não será prejudicial ao doador e nem ao receptor. A entrevista é realizada individualmente, por profissional capacitado, não sendo permitida a presença de acompanhantes.

Obs.: os critérios utilizados para seleção do doador são determinados pela legislação nacional (Portaria 1353 do Ministério da Saúde) e por órgãos internacionais (Associação Americana de Bancos de Sangue).

Ao término da entrevista, verificam-se a pressão arterial, a pulsação e a temperatura. Além disso, uma pequena punção digital (que é um pequeno furo na ponta do dedo) é feita a fim de obter uma gotícula de sangue para determinação rápida da hemoglobina (teste de anemia).

A coleta é realizada numa cadeira na posição semi-sentada. Uma veia de um dos braços é puncionada e um volume de 400ml a 450ml é coletado numa bolsa plástica, que contém solução anticoagulante e preservante. Cerca de 40ml de sangue são coletados para execução dos testes laboratoriais para doenças infecciosas transmissíveis por transfusão e tipagem sanguínea.

Finalizada a coleta, o doador é encaminhado à sala do lanche para alimentar-se e ingerir líquido. O tempo de permanência total no banco de sangue é de, em média, 40 minutos.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site:  http://www.einstein.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

Anúncios

0 Responses to “O processo da doação de sangue”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 2.287 outros seguidores

Calendário

novembro 2013
S T Q Q S S D
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivos

Estatísticas do Blog

  • 791,362 hits

Top 5


%d blogueiros gostam disto: