Posts Tagged 'Caminhadas'

Como evitar problemas gástricos nas corridas

Se você é como a maioria dos corredores, provavelmente já passou por algum problema de estômago durante a corrida. Estudos apontam que cerca de 60% dos corredores já apresentaram problemas gastrointestinais pelo menos uma vez na vida. O motivo?

original_Prova_de_corrida

É que, quando corremos, nosso corpo desvia oxigênio e sangue do trato gastrointestinal para os músculos, para dar energia à atividade. O estômago não dá conta do recado e manda alimentos que não foram bem digeridos para os intestinos, levando líquidos com eles e armando o palco para inchaço, gases, náusea ou até coisa pior.

Veja como evitar que um “piriri” apareça para detonar a sua prova.

Pontadas nas laterais

Dores agudas na região gastrointestinal superior perseguem cerca de 25% dos corredores, segundo levantamento recente. Elas geralmente são causadas por fluxo sanguíneo reduzido na área e também por estresse nos ligamentos.

COMO RESOLVER – Prefira refeições leves antes da corrida e faça um aquecimento lento, com alongamento suave.

Refluxo ácido

Cerca de 20% dos adultos têm queimação no peito associada ao refluxo. Quem sofre do problema sente os sintomas mais intensos enquanto correm.

COMO RESOLVER – Evite alimentos como café ou balas mentoladas. Não deite depois de uma refeição pré-corrida nem use roupas justas na cintura.

Náusea e vômito

Correr com o estômago cheio ou usar suplementos que você não provou nos treinos pode causar um mal-estar ou até vômitos. Evite.

COMO RESOLVER – Muitos corredores precisam de pelo menos 3 horas para fazer a digestão antes de correr. Observe qual é o seu intervalo ideal e teste um plano de abastecimento para evitar surpresas na hora da prova.

Arrotos e gases

Esses sintomas geralmente são causados por alimentos que formam gases (feijão, brócolis, grão-de-bico, refrigerante…). Mas a ansiedade pré-prova pode deixar sua respiração ofegante, fazendo você engolir mais ar e agravar o problema.

COMO RESOLVER – Entre um e dois dias antes da corrida, reduza o consumo de alimentos que causem gases. Também tente seguir uma rotina de meditação pré-corrida. Assim, você se acalma, engole menos ar e também limita a ação dos hormônios do estresse, que atrapalham o fluxo sanguíneo para o trato gastrointestinal.

Diarreia

O grande culpado é a combinação do impacto da corrida mais o fluxo sanguíneo restrito para o trato gastrointestinal. A ansiedade na prova pode estimular o intestino, piorando a situação.

COMO RESOLVER – Pratique uma rotina de relaxamento antes das competições. No quadro “Passe longe”, conheça os alimentos e outros gatilhos que devem ser evitados antes de uma prova.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://exame.abril.com.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

Incorporando a atividade física em sua rotina

Sabemos o quanto é difícil acrescentar em nossa rotina novos hábitos, principalmente quando se trata do início de uma atividade física estruturada. Mudar comportamento não é uma tarefa fácil, afinal, envolve fatores individuais (como barreiras, intenções, auto eficácia), socioculturais (como suporte familiar, ciclo de amizades, normas culturais) e ambientais (como transporte, estrutura física e ambiental, estações do ano).

thumb

Com o verão em vista, as academias enchem com as pessoas tendo objetivo de atingir o corpinho perfeito a tempo! Mas sabemos que para que essa prática se torne um hábito consolidado, são necessários em média seis meses de prática contínua. E aí aparecem as dificuldades, pois a frequência no primeiro mês é extraordinária, no segundo já começa a diminuir, no terceiro é uma raridade, e no quarto mês aparecer na academia é quase fator impossível, já que tudo será motivo para ausência. Então seguem algumas dicas que podem ajudar:

  • Inspire-se! Coloque em sua geladeira, fundo de tela do computador, ou qualquer lugar muito visível para você, uma foto de corpo inteiro de alguém com quem você quer ficar parecido ou até um retrato seu do passado.
  • Tenha um diário! Registre suas metas, sua evolução e a frequência das atividades. As redes sociais também podem auxiliar bastante!
  • Comece devagar! A evolução deve acontecer de forma gradativa para que o corpo tenha uma adaptação efetiva e diminua o risco de lesões.
  • Crie metas realistas! Lembre-se: tudo que vem rápido, vai rápido. Não há processos milagrosos. Para ser efetivo e garantir uma mudança definitiva de comportamento, as conquistas devem ser gradativas. Você pode ter metas em longo prazo em mente, mas crie metas mais imediatas, como eliminar 1 kg ou perder 1 cm de barriga em algumas semanas.
  • Escolha do exercício certo! Procure realizar uma atividade que lhe dê prazer! Isso facilitará sua aderência! Existem diversas opções além de esteira, bicicleta e musculação, como aulas de dança, caminhada, artes marciais, yoga, hidroginástica e esportes coletivos.
  • Tenha uma “calça de referência”! Se quer emagrecer, acostume-se a provar toda semana a mesma calça. É mais fácil perceber as pequenas mudanças no seu corpo assim do que se olhando no espelho.
  • Contrate um personal trainer! O acompanhamento individualizado de um personal potencializa os resultados de seu treino além de colaborar bastante na parte motivacional! Se tiver um compromisso com alguém para treinar, pensará duas vezes antes de faltar em seu treino!

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://www.einstein.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

Dia Mundial da Atividade Física

Estudos realizados na Universidade de Harvard apontam que o sedentarismo é responsável pela morte indireta de 5,3 milhões de pessoas por ano no mundo, ficando a frente da obesidade, diabetes e tabagismo. Para enfrentar este “mal da civilização”, foi criado em 1997, o Programa Agita Mundo, vinculado ao Programa das Nações Unidas, a partir do projeto desenvolvido em 1996, pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo: o Agita São Paulo.

2r6fhwod5zuv5ipsy26sjp66v

Para marcar o Dia Mundial da Atividade Física diversos países promoverão caminhadas e ações de promoção da saúde, entre eles Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Espanha, Finlândia, Inglaterra, Malásia, EUA, Nigéria, Panamá, México, Peru, Portugal, Uruguai, Emirados Árabes, Aruba, Nicarágua, Cuba e Venezuela.

O Programa Agita São Paulo organizou dois eventos para a capital paulista. No dia 2 de abril acontecerá o 10º Encontro de Boas Práticas em Promoção da Atividade Física, das 8h: às 13h, no Auditório Nobre da Associação Paulista de Medicina (Av. Brigadeiro Luís Antonio, 278, no 9º andar). O encontro será aberto a profissionais da área de saúde, educação e esportes.

No dia 7, domingo, Dia Mundial da Saúde, ocorrerá a Caminhada Agita Mundo 2013. Quem quiser participar, basta comparecer ao vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Av. Paulista, 1578), às 8h30. O percurso do MASP até a Assembleia Legislativa contará com trios elétricos e muita animação.

São Paulo foi o primeiro estado a inserir em seu calendário oficial o Dia Estadual da Atividade Física. As ações estão a cargo da Secretaria de Estado da Saúde-SP, com apoio da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Recreação da Cidade de São Paulo.

Lembre-se: Segundo a Organização Mundial da Saúde, 30 minutos diários de atividades física ou 20 minutos de exercícios duas vezes por semana é suficiente para manter a saúde em dia.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site:  http://noticias.r7.com


Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se aos outros seguidores de 2.189

Calendário

junho 2020
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Arquivos

Estatísticas do Blog

  • 989.258 hits

%d blogueiros gostam disto: