Posts Tagged 'parar de fumar'

Dia Mundial Sem Tabaco 2017

PIxabay fumando smoking-1347830_1920

Mais um ano falando sobre tabagismo e as experiências acumuladas não mudam a conclusão de que: Fumar é prejudicial à saúde.

Veja o que diz o INCA (Instituto Nacional de Câncer):

“O tabagismo é reconhecido como uma doença epidêmica que causa dependência física, psicológica e comportamental semelhante ao que ocorre com o uso de outras drogas como álcool, cocaína e heroína. A dependência ocorre pela presença da nicotina nos produtos à base de tabaco. A dependência obriga os fumantes a inalarem mais de 4.720 substâncias tóxicas, como: monóxido de carbono, amônia, cetonas, formaldeído, acetaldeído, acroleína, além de 43 substâncias cancerígenas, sendo as principais: arsênio, níquel, benzopireno, cádmio, chumbo, resíduos de agrotóxicos e substâncias radioativas (…)

(…) o tabagismo é causa de aproximadamente 50 doenças, muitas delas incapacitantes e fatais, como câncer, doenças cardiovasculares e respiratórias crônicas.”

A OMS (Organização Mundial da Saúde) ainda diz:

“O tabagismo é a principal causa de morte evitável em todo o mundo, sendo responsável por 63% dos óbitos relacionados às doenças crônicas não transmissíveis. Dessas, o tabagismo é responsável por 85% das mortes por doença pulmonar crônica (bronquite e enfisema), 30% por diversos tipos de câncer (pulmão, boca, laringe, faringe, esôfago, pâncreas, rim, bexiga, colo de útero, estômago e fígado), 25% por doença coronariana (angina e infarto) e 25% por doenças cerebrovasculares (acidente vascular cerebral). Além de estar associado às doenças crônicas não transmissíveis, o tabagismo também é um fator importante de risco para o desenvolvimento de outras doenças, tais como – tuberculose, infecções respiratórias, úlcera gastrintestinal, impotência sexual, infertilidade em mulheres e homens, osteoporose, catarata, entre outras doenças.”

Estudos recentes mostram que o tabagismo é responsável por mais de US$ 1 trilhão em custos de saúde e perda de produtividade a cada ano.

Fontes: http://www2.inca.gov.br/wps/wcm/connect/acoes_programas/site/home/nobrasil/programa-nacional-controle-tabagismo/tabagismo

http://g1.globo.com/bemestar/noticia/tabagismo-custa-us1-trilhao-e-em-breve-vai-matar-8-milhoes-por-ano-diz-estudo.ghtml

Imagem: Pixabay

Anúncios

OMS diz que hábito de fumar é descontrolado no Pacífico Sul

Fumar é um hábito descontrolado entre as nações do Pacífico do Sul, onde o tabagismo contribui consideravelmente para um aumento das mortes por doenças não transmissíveis, informou a Organização Mundial da Saúde (OMS) hoje, Dia Mundial Sem Tabaco.

Destaque1

‘O tabagismo é um dos quatro maiores fatores de risco das doenças não transmissíveis no Pacífico, junto a uma alimentação não equilibrada, a inatividade física e o uso prejudicial de bebidas alcoólicas’, explicou Colin Bell, representante de OMS em Fiji.

‘Mais de 70% das mortes no Pacífico estão relacionadas a doenças não transmissíveis, o que indica que (o tabagismo) é um grande fator de risco das principais causas de morte no Pacífico’, completou Bell.

De acordo com o representante da OMS, o número citado é alarmante, tendo em vista que o risco de uma pessoa morrer de forma prematura por doenças não transmissíveis nas Ilhas Marshall é de 60%, enquanto em Fiji é de 30%.

Apesar das nações do Pacífico terem ratificado o Convênio Marco da OMS para o Controle do Tabaco e, inclusive, da pequena nação de Niue ter tentado ser uma nação livre de cigarros, os números de consumo e da falta de regulamentações para combater o tabagismo são preocupantes.

A metade da população das ilhas de Tokelau, Wallis e Futuna e Nauru fuma diariamente, assim como um terço dos habitantes das Ilhas Cook, Samoa e das Ilhas Salomão, segundo dados da Secretaria da Comunidade do Pacífico.

O hábito de fumar se propaga sem controle no Pacífico Sul em uma região em que os controles não costumam sem rígidos, enquanto a prevalência de fumantes de origem ilhéu e maori é extremamente alta na Nova Zelândia. Segundo a OMS, o problema se intensifica pela falta de leis restritas e vigilância em seu cumprimento.

Em alguns lugares do Pacífico Sul, por exemplo, a venda de cigarros para menores é permitida, assim ‘como fumar em ambiente fechados e colocar publicidade nos comércios’, informou a consultora de assuntos relacionados ao álcool e ao tabaco da Comunidade do Pacífico, Jeanie McKenzie.

Para marcar esse Dia Mundial Sem Tabaco, o governo das Ilhas Salomão proibiu a venda de cigarros por unidade e fumar em lugares públicos – como escolas, restaurantes e edifícios públicos -, assim como a publicidade e o patrocínio das empresas tabaqueiras a eventos realizados no país.

Nesse sentido, a Austrália lançou uma proposta sem precedentes ao se transformar no último mês de dezembro no primeiro país do mundo a obrigar que os cigarros sejam vendidos em um maço genérico sem publicidade, sem logotipos e nem textos promocionais.

Posteriormente, uma medida similar foi adotada na Irlanda, Escócia e Nova Zelândia, que pretende se transformar praticamente livre dos cigarros em 2025.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://exame.abril.com.br

Você está querendo parar de fumar? Pare de fumar sem virar sua vida de cabeça para baixo!

Para aqueles que não fumam, parar de fumar pode parecer algo simples. Basta querer.

Muitas vezes essa decisão é adiada para evitar o “desconforto” de ficar sem o cigarro. Outras, por acreditar que é possível parar a qualquer momento. Podemos ainda buscar o momento ideal ou esperar que a vontade e a certeza de querer parar de fumar apareçam! Que tal pensar um pouco sobre essa decisão?

mail_marketing_campanha+tabagismo_2012

Alguns dados para você refletir

São cerca de 4.720 substâncias tóxicas existentes na fumaça do cigarro que trazem risco à saúde. Além das mais conhecidas, como nicotina e monóxido de carbono, a fumaça do cigarro contém substâncias radioativas como polônio 210 e cádmio (aquele das baterias dos carros).

Mas você pode argumentar…: “Muitas pessoas fumam e não adoecem. Outras não fumam e adoecem”. O importante é entender o que é se expor a riscos.

Por exemplo: se você atravessar uma rua movimentada de olhos fechados, poderá chegar ao outro lado sem se machucar – mas o  risco de ser atropelado é bem maior do que se você atravessar de olhos abertos na faixa de pedestres. Da mesma forma, se você fuma, está se arriscando mais do que aqueles que não fumam.

 

O que acontece de bom se você parar?

Estatísticas revelam que os fumantes, comparados aos não fumantes, apresentam riscos

10 vezes maior de adoecer de câncer de pulmão;
5 vezes maior de sofrer infarto;
5 vezes maior de sofrer de bronquite crônica e enfisema pulmonar;
2 vezes maior de sofrer derrame cerebral

 

Além desses riscos, as mulheres fumantes devem saber que:

 o uso de anticoncepcionais associado ao cigarro aumenta em 10 vezes o risco de sofrer derrame cerebral e infarto; 
grávidas fumantes aumentam o risco de ter aborto espontâneo em 70%; perder o bebê próximo ou após o parto em 30%; o bebê nascer prematuro em 40%; ter um bebê com baixo peso em 200%.

Fumar é um risco à saúde que podemos evitar

Ao parar de fumar seu corpo vai recebendo benefícios constantes. Veja só:

Após 20 minutos

A pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal

Após 2 horas

Não há mais nicotina circulando no seu sangue

Após 8 horas

O nível de oxigênio no sangue se normaliza

Após 12 a 24 horas

Seus pulmões já funcionam melhor

Após 2 dias

Seu olfato já percebe melhor os cheiros e o seu paladar já sente melhor o sabor da comida

Após 3 semanas

Você vai notar que sua respiração se torna mais fácil e a circulação melhora

Após 1 ano

O risco de morte por infarto já se reduziu à metade

Após 5 a 10 anos

O risco de sofrer infarto será igual ao das pessoas que nunca fumaram

 

Dando o primeiro passo para deixar de fumar

O mais importante é escolher uma data para ser o seu primeiro dia sem cigarro. Esse dia não precisa ser um dia de sofrimento. Faça dele uma ocasião especial e procure programar algo que goste de fazer para se distrair e relaxar.

Você pode escolher duas formas para deixar de fumar

Parada imediata

Essa deve ser sempre a primeira opção. Você deixa de fumar de uma só vez, cessando totalmente de uma hora para outra.

Parada gradual

Você pode usar esse método de duas maneiras

Reduzindo o número de cigarros. Para isso, é só contar o número de cigarros fumados por dia e passar a fumar um número menor a cada dia

Adiando a hora em que fuma o primeiro cigarro do dia. Você vai adiando o primeiro cigarro por um número de horas predeterminado a cada dia até chegar o dia em que você não fumará nenhum cigarro.

Se você escolher a parada gradual não deve gastar mais de duas semanas no processo.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://www.inca.gov.br/

Razões Para Parar de Fumar

Parar de Fumar Engorda?

A maior preocupação do fumante está relacionada ao ganho de peso que pode ocorrer com a cessação do tabagismo; esse argumento faz com que freqüentemente desistam da tentativa de se tornar um ex-fumante.

O que pode levar o ex-fumante a engordar?
  • Há uma melhora do paladar e do olfato;
  • Gratificação oral – ex-fumantes sentem falta da sensação de ter algo para fazer com a boca e com as mãos. Comer ou beliscar é semelhante a ação repetitiva de fumar;
  • Utilizar o alimento do mesmo modo que utilizava-se os cigarro ao lidar com o estresse, escapar do tédio, da tensão, passar o tempo ou como ajuda na integração social;

É possível parar de fumar e controlar o peso

Sim, seguindo uma alimentação balanceada.

O primeiro passo de uma boa alimentação é manter um peso saudável. Observe se está engordando ou emagrecendo e procure um nutricionista ou médico para saber porque isto está ocorrendo e como controlar. Caso não possa se pesar, observe se suas roupas estão mais largas ou justas.

Para que a alimentação seja saudável, é preciso que contenha todas as substâncias importantes para o bom funcionamento do organismo, nas quantidades adequadas para cada pessoa. Essas substâncias, chamadas nutrientes, são encontradas nos alimentos, como os macronutrientes proteínas, carboidratos, gorduras (ou lipídios) e os micronutrientes vitaminas e minerais. Além destes, a água e as fibras também têm um papel muito importante.

Posso engordar se parar de fumar?Na verdade nem todo mundo engorda depois de parar de fumar. Entre as pessoas que engordam, a maioria ganha entre 3 e 4 kg. Aproximadamente 10% das pessoas que param de fumar ganham muita quantidade de peso — 13 kg ou mais.Por que algumas pessoa engordam depois que param de fumar?
Vários fatores estão relacionados ao ganho de peso como:
  • Mudanças no metabolismo e melhora do olfato e paladar e a ansiedade são as principais.
Porém, muitos fumantes ganham peso por adotarem um erro alimentar, ou seja, passam a comer de forma errada. Este erro alimentar pode ser evitado. Comer alimentos pouco calóricos e praticar atividades físicas em geral são suficientes para controlar este ganho de peso.
Praticar atividades físicas só faz bem
  • Exercícios regulares vão ajudá-lo a desviar a sua atenção, normalmente tão direcionada para o controle da vontade de fumar.
  • Não escolha atividades físicas que você não tenha prazer em executar.
  • Uma excelente dica é a caminhada diária (ou pelo menos 3 vezes por semana), por 30 minutos. É o suficiente para fazer bem ao corpo e à mente.
  • Se você já pratica atividades físicas regulares, procure intensificá-las agora. Você perceberá que o seu rendimento vai melhorar muito, trazendo grande satisfação.
  • Mas não se arrisque, lembrando que grandes mudanças no ritmo de exercícios praticados por qualquer pessoa devem ser precedidas por uma avaliação médica.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site:  http://www.tabagismo.hu.usp.br

Dicas para parar de fumar.


Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 2.290 outros seguidores

Calendário

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

Estatísticas do Blog

  • 838,115 hits

Top 5


%d blogueiros gostam disto: