Posts Tagged 'Smartphone'

Perda Auditiva

 

happy young woman listening

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alerta que 1,1 bilhão de jovens, em todo mundo, correm risco de sofrer perda auditiva por causa da exposição ao barulho.

Em países desenvolvidos, estima-se que mais de 43 milhões de pessoas, entre 12 e 35 anos, já sofrem de surdez incapacitante. 50% dessa faixa etária está exposta aos riscos pelo uso excessivo de tocadores de MP3 e smartphones, e 40% pelos níveis de ruído prejudiciais de discotecas e bares.

Seguem algumas recomendações da OMS para proteger a audição:

  • Mantenha o volume baixo: o tocador de mp3 não deve exceder 60% do volume total. Use tampões de ouvido em ambientes barulhentos.
  • Limite o tempo gasto em atividades barulhentas: a exposição prolongada ao ruído é um dos principais motivos da perda de audição. É aconselhável breves descansos auditivos e limitar para 1 hora diária o uso de fones de ouvido.
  • Preste atenção aos níveis seguros de exposição ao ruído. Use a tecnologia dos smartphones para ajudá-lo nisso.
  • Preste atenção aos primeiros sinais de perda de audição.

Procure imediatamente um médico se for difícil:

  • ouvir sons agudos, como campainha, telefone ou despertador;
  • entender a conversa por telefone.

 

Fontes:

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/03/150306_ruido_audicao_lgb

http://www.ambep.org.br/saude-auditiva-e-tema-de-palestra-na-ambep-rio/

Imagem: Freepik

Smartphones vão medir níveis de Colesterol e Vitamina D

Os smartphones já analisam batimentos cardíacos e consumo de calorias. Em breve, os celulares também vão medir os níveis de colesterol e de vitamina D das pessoas. Os primeiros testes foram realizados por pesquisadores da Universidade de Cornell, em Ithaca, Nova York. Os engenheiros desenvolveram um pequeno dispositivo que pode ser acoplado ao aparelho para analisar amostras de sangue.

maxresdefault

“O gadget permitirá que as pessoas obtenham informações sobre a sua saúde de forma rápida”, explica um dos pesquisadores. O dispositivo funciona como os aparelhos que medem diabetes. Ele parece um leitor de cartão de crédito que pode ser acoplado ao smartphone. Uma pequena fita com uma gota de sangue é inserida no gadget, que disponibiliza os resultados na tela do celular.

Segundo o engenheiro biométrico David Erickson, envolvido no desenvolvimento do dispositivo, o sistema leva apenas dois minutos para fazer a medição do colesterol. O gadget se encaixa exatamente sobre a câmera do celular. Para a análise, o usuário tira uma foto da reação química que ocorre quando seu sangue entra em contato com a fita. O smartphone então processa a imagem e determina os níveis de colesterol e vitamina D.

A tecnologia também funciona com a saliva ou com uma pequena amostra de suor do usuário. “Queríamos criar um sistema simples que permitisse às pessoas medir esses níveis em casa, sem precisar ir a um hospital ou a um laboratório”, diz o estudante Seoho Lee, que trabalhou ao lado de Erickson no projeto. Os pesquisadores agora tentam expandir a tecnologia para que ela também ofereça resultados de outras vitaminas e de doenças infecciosas.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://veja.abril.com.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

8 dicas para proteger olhos do uso prolongado de eletrônicos

Copa do Mundo é marcada por um período aquecido para o comércio de eletrônicos. Muitas pessoas saem em busca de novas televisões, tablets e smartphones para acompanhar os jogos e as notícias. O que poucos sabem é que o uso contínuo dessas tecnologias não é bom para a saúde dos olhos.

Jogos-eletrônicos-podem-melhorar-a-visão

Segundo o oftalmologista do H. Olhos, Dr. Pedro Antônio Nogueira Filho, ficar na frente do computador ou da televisão por muito tempo pode gerar alguns problemas de visão. Fique atento se você já sentiu cansaço visual, vermelhidão, ardência, lacrimejamento, incômodo à claridade, visão embaçada, sensação de peso nas pálpebras, entre outros sintomas.

Dr. Nogueira Filho disse a INFO que aparelhos eletrônicos ativam uma forma de atenção no Sistema Nervoso Central Humano, a “Atenção Ativa”. Ela é capaz de inibir mecanismos autônomos (aqueles onde não é necessário pensar para que seja realizado, ou seja, é automático), como piscar dos olhos.

“A Atenção Ativa retarda o processo e diminui a frequência do movimento, algo essencial ao bem estar dos olhos, que precisam estar lubrificados”, afirma. Quem realiza a distribuição da lágrima sobre os olhos são as pálpebras quando realizam o movimento do piscar.

A Síndrome da Visão Cansada é o problema mais conhecido de todos. Ela acontece pela fixação das vistas na tela dos aparelhos que emitem luz durante muito tempo. Veja a seguir oito dicas do Dr. Nogueira Filho para seguir no cotidiano e evitar problemas na vista:

1. Faça pausas e saia da frente do computador ou televisão. “As pausas devem ser realizadas a cada 30 ou 60 minutos, devendo ter duração de cerca de 10 minutos”, afirma.

2. Durante a pausa, olhe pela janela ou para um ponto distante da casa. “Orientamos que o paciente procure usar a visão para longe, buscando o horizonte quando em frente a uma janela ou sacada, por exemplo”, diz.

3. Procure piscar mais. É comum, principalmente durante os jogos, que o torcedor fique concentrado por um longo período. Isso causa um aumento do tempo entre as piscadas e no ressecamento ocular. “O usuário fica com a córnea hipersensível, o que causa os sintomas já citados”, disse. Aos poucos, isso pode causar inflamações e ulcerações.

4. Evite brilhos ou reflexos na tela. Para isso, é possível mudar o ângulo de inclinação ou mesmo usar protetores de tela ou tela plana.

5. Mantenha a iluminação ambiente adequada. “Devemos observar que o atual ‘ambiente de trabalho’ é reconhecido como um ambiente hostil, pois envolve iluminação excessiva, umidade do ar baixa (devido o uso do ar condicionado e aquecedores em geral), além do uso dos aparelhos eletrônicos”, afirma. O ideal é que tudo isso seja usado de forma moderada, inclusive a intensidade da iluminação dos aparelhos eletrônicos.

6. Evite ar condicionado ou ventilador direto sobre o rosto. É importante que a temperatura ambiente seja amena. O excesso de vento e as temperaturas baixas podem ajudar a ressecar os olhos e deixar a córnea sensível.

7. A distância ideal para assistir TV deve ser de dois metros. Além de melhorar o campo de visão da tela, essa técnica pode evitar problemas de visão.

8. Evite deixar o monitor do computador ou a televisão acima da linha do olhar. Isso pode provocar um ressecamento maior, já que nesta posição é preciso manter os olhos mais abertos.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://exame.abril.com.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

Movimento global sem precedentes quer acabar com sedentarismo infantil

“A preguiça é a mãe do progresso. Se o homem não tivesse preguiça de caminhar, não teria inventado a roda.” Essa frase do poeta Mário Quintana é daquelas tão boas, tão geniais, que chegam a ficar óbvias depois de um tempo. Mário nasceu em 1906. De lá pra cá, a sociedade progrediu muito, se espreguiçou muito e, no final das contas, ficou praticamente parada. Um movimento internacional chamado Designed To Move (Desenhado Para Se Mexer) quer chamar a atenção do mundo antes que seja tarde. E aposta na força das estatísticas pra reverter esse quadro.

personal-fitness-trainer
Muito se fala de como essas novas gerações são sedentárias. De como elas deixam de jogar bola, de brincar de amarelinha, de pular corda, pra ficar no quarto jogando videogame, afundados no smartphone, enterrados na internet. Ok, todo mundo vê que isso acontece, mas talvez falte um pouco de embasamento técnico e teórico para comprovar essa tendência. Talvez falte estatísticas. Que tal essa? As crianças de 10 anos de agora são a primeira geração da História que devem viver menos que seus pais.

De acordo com um relatório organizado pelo projeto, essa geração irá viver 5 anos a menos por causa do sedentarismo. Nesse vídeo (todo em inglês, mas com participação de uma menina brasileira), crianças dizem o que fariam com esses 5 anos a mais. O resultado é bem emocionante e dá vontade de sair por aí pegando a criançada pela mão e levando pra uma partida de queimada na praça.

Em menos de duas gerações, o nível de atividade física da população do Reino Unido caiu 20%, nos EUA esse número sobe para 32%. A China, país que mais cresce em termos econômicos, também é campeã do sofá: em apenas uma geração, o sedentarismo cresceu 45%. Resultado: em 2012, 5 milhões de pessoas morrerão por causa do tabagismo. Adicione mais 300 mil seres humanos mortos e você terá o número de óbitos causados pela falta de atividades físicas. Em 2020, os americanos irão se exercitar tão pouco que a diferença entre dormir 24 horas ou manter as atividades cotidianas durante o dia será ínfima.

O principal prejuízo é financeiro, mas quando estamos falando de um movimento global, que pretende mudar o hábito de centenas de milhões de pessoas, é preciso fazer o pessoal sentir no bolso. Então vamos lá. Em 2008, os EUA gastaram 147 bilhões de dólares para combater problemas relacionados ao sedentarismo. Essa cifra é duas vezes maior que o orçamento para educação no país. Na China, foram 20 bilhões. Aliás, não é coincidência que 92% das crianças chinesas não façam nenhum tipo de atividade física fora da escola.

Boa parte das soluções propostas pelo relatório passam pela escola. Reforçar sempre a importância da educação física é necessário, mudar a mentalidade da criançada é essencial. O Designed To move propõe que a ideia de derrtoado/vencedor só atrapalha, a saída é focar no melhor de cada um. Não há como ignorar o fascínio provocado pelos gadgets, cada vez mais intuitivos e mais fáceis de serem usados por crianças, até bebês. A solução, então, é levar as inovações digitais pra dentro do esporte, evitando a inútil competição entre tecnologia e atividade física. Facilitar o acesso à quadras e praças também é uma das propostas listadas no relatório. Para conferir a íntegra do documento, clique aqui.

Quanto mais o país enriquece, mais sedentário fica – no Brasil, a obesidade infantil aumentou 3 vezes nos últimos 20 anos. Talvez por causa de dados como esse, nosso país tem voz ativa no movimento. O Ministério do Esporte, a Universidade de São Paulo e até o SESC (Serviço Social do Comércio) estão engajados na causa que tem até Bill Clinton dando como um de seus apoiadores. A lista de envolvidos é enorme(e você pode fazer parte dela!), mas quem assina o relatório é a Nike, o American College of Sports Medicine (Organização Americana De Medicina Esportiva) e o International Council os Sport Science And Physical Education (Conselho Internacional de Ciência Esportiva e Educação Física).

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://revistagalileu.globo.com

Aplicativos de Férias – Trip Advisor

TRIP-ADVISOR-VM_END

Aplicativos de Férias – Easy Taxi

EASY_TAXI-VM-END

Aplicativos de Férias – Viagem da Galera

VIAGEM_GALERA-VM-END

Aplicativos de Férias – Nivea Sun

NIVEA_SUN-VM-END

Aplicativos de Férias – 1001 Lugares

1001-LUGARES-VM-END

Aplicativos de Saúde – Dieta e Saúde


Twitter @vivamelhor

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se aos outros seguidores de 2.164

Calendário

dezembro 2020
S T Q Q S S D
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Arquivos

Estatísticas do Blog

  • 1.006.967 hits

%d blogueiros gostam disto: