Posts Tagged 'Evento'

Vem aí a 1ª Virada da Saúde de São Paulo

O Instituto Saúde e Sustentabilidade traz para São Paulo a Virada da Saúde. O evento, que acontecerá de 7 a 12 de abril, em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, surge para conscientizar e aproximar a sociedade para o tema de uma forma diferenciada e lúdica, vinculado à urbanidade. Para isso, serão usadas diversas atividades para ampliar o conhecimento e alertar os cidadãos.

10996468_1615597511986594_7735918316162082600_n

A Virada da Saúde trabalhará 4 eixos: o Médico-Assistencial, com mutirões assistenciais de prevenção, diagnóstico e tratamento; o Bem Estar, com atividades de esporte, lazer e nutrição; a Educação, por meio de palestras, bate-papos, painéis e jogos; e a Cultura, com exposições, teatro, filme e intervenções artísticas sobre o tema.  A ideia é que as pessoas entendam a promoção da saúde como parte do seu dia a dia, veja a relação com a cidade e se identifique como um importante protagonista para alcançar qualidade de vida onde mora.

“Queremos mostrar que existe uma série de oportunidades para se alcançar o tema, além da visão assistencial e da doença, para a mudança da qualidade de vida, que o público tem dificuldade de alcançá-la. É importante desmistificar a distância entre a saúde e seus profissionais do público. O papel do cidadão, na promoção de sua própria saúde e de seus familiares e amigos nos centros urbanos é o que mais conta nos dias atuais”, explica Evangelina Vormittag, diretora presidente do Instituto Saúde e Sustentabilidade.

As atrações e atividades podem ser desenvolvidas por empresas, Organizações não Governamentais, Instituições Sociais, Movimentos e Coletivos, Empresas e Pessoas Físicas e serão aprovadas pelo Instituto Saúde e Sustentabilidade e Conselho Curador do evento. Durante todos os dias da Virada da Saúde serão ocupados espaços públicos e privados com atividades gratuitas para população, englobando o conceito de saúde pública, o viver nas cidades e o desafio da saúde do homem urbano. Para quem tem interesse em participar, entrar em contato pelo e-mail: contato@saudeesustentabilidade@org.br.

Parceria

Para a realização da Virada da Saúde, o Instituto Saúde e Sustentabilidade busca patrocínios, apoios e parcerias entre empresas, meios de comunicação e instituições. A ideia é conseguir recursos para a realização de 100% da programação prevista, para atingir o maior número de pessoas, em diversas regiões da cidade de São Paulo.

Os patrocinadores terão como contrapartida, além da exposição da marca, o relacionamento com as mais diversas iniciativas e instituições ligadas à saúde.

“O nosso diferencial é que não será investido o recurso em uma ação pontual, mas em 5 dias de intervenções e conscientização junto à sociedade”, ressalta Evangelina.

Para se Inscrever, entre em contato pelo telefone (11) 3266-6497 ou pelo e-mail: comunicacao@abqv.org.br

Venha participar conosco!

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://www.abqv.com.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

 

Palestra Gratuita – “Administração do Tempo”

Palestra INFOP Administração do Tempo

Humanos iguais, direito e justiça

Art.1 da Declaração Universal dos Direitos Humanos:

“Todos os seres humanos nascem livres e iguais  em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para  com os outros em espírito de fraternidade”

e5r3qlq4vhd10122012163511

Apesar de não ser do conhecimento de todos, o que aliás deveria ser, afinal pertence a cada ser vivente deste planeta, os direitos humanos ou coletivos são aqueles adquiridos em decorrência do resultado de uma longa história e que foram debatidos ao longo dos séculos por filósofos e juristas. São direitos inerentes a todos os seres humanos, independentemente de raça, sexo, idade, nacionalidade, etnia, idioma, religião ou qualquer outra condição. Os direitos humanos incluem o direito à vida, à liberdade de opinião e de expressão, o direito ao trabalho e à educação, entre e muitos outros. Todos merecem estes direitos, sem discriminação e em igualdade e liberdade.

Entre suas principais características estão o respeito pela dignidade e o valor de cada pessoa. Eles são universais, o que quer dizer que são aplicados de forma igual e sem discriminação; são inalienáveis e ninguém pode ser privado de seus direitos, mas podem ser limitados em situações específicas. São também indivisíveis, interrelacionados e interdependentes, já que é insuficiente respeitar alguns direitos humanos e outros não. Na prática, a violação de um direito vai afetar o respeito por muitos outros.

Durante a idade moderna, os racionalistas dos séculos XVII e XVIII, reformularam as teorias do direito natural. Para os racionalistas, todos os homens são por natureza livres e têm certos direitos inatos de que não podem ser despojados quando entram em sociedade. Foi esta corrente de pensamento que acabou por inspirar o atual sistema internacional de proteção dos direitos do homem e da mulher.

A evolução destas correntes veio a dar frutos pela primeira vez na Inglaterra e depois nos Estados Unidos. A Carta Magna de 1215 deu garantias contra a arbitrariedade da Coroa, e influenciou diversos documentos, como por exemplo, o Acto habeas corpus (1679), que foi a primeira tentativa para impedir as detenções ilegais. A Declaração Americana da Independência datada em 4 de Julho de 1776 onde constava os direitos naturais do ser humano que o poder político deve respeitar. A Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, também proclamada na França em 1789, e as reivindicações ao longo dos séculos XIV e XV em prol das liberdades, alargou o campo dos direitos humanos e definiu os direitos econômicos e sociais, políticos e culturais.

Mas o momento mais importante, na história dos Direitos do Homem, é durante 1945-1948. Em 1945, algumas nações tomaram consciência das tragédias e atrocidades vividas durante a 2ª Guerra Mundial, o que os levou a criar a Organização das Nações Unidas. Foi através da Carta das Nações Unidas, assinada a 20 de Junho de 1945, que os povos exprimiram a sua determinação. A criação da ONU simboliza a necessidade de um mundo de tolerância, de paz, de solidariedade entre as nações, que faça avançar o progresso social e econômico de todos os povos. Através da sua existência foi possível viabilizar um fórum ideal para o desenvolvimento sustentável e solidário e a adoção dos instrumentos internacionais de direitos humanos.

Os principais objetivos das Nações Unidas, passam por manter a paz, a segurança internacional, desenvolver relações amigáveis entre as nações e realizar a cooperação internacional. Ela também tem como intuito resolver problemas internacionais de cunho econômico, social, intelectual e humanitário, desenvolver e encorajar o respeito pelos direitos humanos e pelas liberdades fundamentais sem qualquer tipo de distinção.

Assim, em 10 de dezembro de 1948, a Assembleia Geral das Nações Unidas proclamou a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Logo este dia constitui uma importante data comemorativa, pois é um dia para que o mundo possa relembrar que a garantia efetiva dos direitos humanos requer vigilância contínua e participação coletiva. Sem dúvidas, trata-se de uma data para reivindicarmos ações concretas de todos para o cumprimento dos compromissos assumidos com a garantia dos direitos civis, políticos, sociais e ambientais.

Parabenizamos todos atores e atrizes da humanidade caminhante de Deus da criação e sempre da evolução dos direitos humanos. Parabenizamos militantes de centros de direitos humanos do MNDH, comissões de justiça e paz, comitês de anistia, anistia internacional, comissões parlamentares de direitos humanos, comissões de direitos humanos da ONU e OEA e comissões da verdade, justiça. Tortura nunca mais. História, memória, justiça, verdade, democracia e liberdade, paz e cidadania.

Neste 10 de dezembro, busquemos uma reflexão sobre o papel a ser exercido pelos governos a nível federal, estadual e municipal, pela família e por cada pessoa no avanço e na efetivação das garantias consolidadas pela Declaração dos Direitos Humanos. Essa é uma oportunidade para fazermos um balanço do que os governos já concretizaram em benefício do seu povo e quais serão os próximos desafios. Um chamado para que os países do mundo refundem o compromisso social de, por meio da educação, promover o respeito a todos os direitos fundamentais. Todo dia é dia dos direitos humanos.

Informações parciais. Confira o texto na íntegra, acessando o site: http://www.dm.com.br/

Visite nosso site: http://www.vivamelhoronline.com.br

Palestra Gratuita – “Como Superar o Medo?”

Medo Palestra

Palestra – “Oratória: Como perder o medo de falar em público”

Palestra Infop Margarida

II Fórum de Qualidade de Vida – SESI/PE

sesi

Palestra – NEUROSE DE FRACASSO – COMO FUGIMOS DO SUCESSO

lions - evento margarida

SONO e QUALIDADE DE VIDA com Dr. Sérgio Barros

Carta Final_Curvas 2

Evento: SONO e QUALIDADE DE VIDA com Dr. Sérgio Barros

Cartaz Final_Curvas 1

Encontro ABQV em Recife – Maio 2013

Cartaz-A3-Encontro-ABQV-Maio-2013-Geral


Twitter @vivamelhor

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se aos outros seguidores de 2.164

Calendário

outubro 2020
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Arquivos

Estatísticas do Blog

  • 1.002.237 hits

%d blogueiros gostam disto: